segunda-feira, 29 de agosto de 2011

FORÇA RICARDO GOMES!

O técnico do Vasco, Ricardo Gomes, sofreu um acidente vascular cerebral durante o 2º tempo da partida diante do Flamengo, no estádio do Engenhão, e foi submetido às pressas de ambulância para o Hospital Pasteur, no Rio de Janeiro. O treinador teve que passar por uma cirurgia emergencial ainda na noite de domingo, para retirada de sangue coagulado na região cerebral direita. Apesar de bem-sucedida, o quadro clínico de Ricardo Gomes permanece estável e ele se mantém ligado a aparelhos em coma induzido. Somente após 72 horas depois da cirurgia será possível para a equipe médica avaliar se haverá ou não sequelas.
Que Deus abençõe a recuperação de Ricardo Gomes, uma pessoa do bem, respeitável, e que ele tenha forças para superar esse momento complicado e logo volte às suas atividades normais.
Força, Ricardo Gomes!

30% DE APROVEITAMENTO NOS PITACOS

Dos 7 palpites para os clássicos regionais da última rodada do 1º turno do Brasileirão, só acertei 3 pitacos. Acertei os resultados favoráveis para Botafogo, Palmeiras e Cruzeiro. Acreditei em Coritiba, Santos, Vasco e Internacional. Porém, dos jogos que eu errei o vencedor, 3 terminaram empatados. Apenas o Internacional teve a proeza de perder para o abatido time do Grêmio, mas deve ser levado em consideração o fato de o clássico ter acontecido no estádio Olímpico. E, além do mais, "clássico é clássico e vice-versa", como dizia o saudoso Vicente Matheus, o presidente mais corintiano da história do Corinthians. Poderia ter tido 70% de aproveitamento nos pitacos se caso Santos e Vasco tivessem feito suas devidas partes contra São Paulo e Flamengo, respectivamente. Afinal, os 2 times jogaram com um jogador a mais durante grande parte dos clássicos, e o Santos ainda jogou dentro da Vila Belmiro. Aliás, se não existissem a falha de finalização do Borges e o goleiro Rafael, ambos do Santos, o placar mais justo seria possivelmente 3 x 2 para os são-paulinos. Mas o Santos pelo menos demonstrou mais pegada e determinação, ingredientes que estão pouco a pouco retornando ao espírito da equipe e que foram fundamentais na conquista da Libertadores deste ano. Destaque também para o bom time do Botafogo, que vem crescendo a cada rodada no torneio e à virada do Palmeiras sobre o Corinthians. De previsível mesmo, sem chance de erro, somente a vitória do Cruzeiro sobre o Atlético-MG. Como eu disse, esse resultado era fácil de acertar.

domingo, 28 de agosto de 2011

FRASE

" - É o futebol brasileiro que a gente gosta de ver. Drible, ousadia. É o futebol brasileiro escancarado. Por isso, ele é idolatrado e querido por todo o Brasil."


(Ronaldinho Gaúcho, meia do Flamengo, sobre o futebol do atacante santista Neymar).

sábado, 27 de agosto de 2011

REPÚBLICA DOS 30 MILHÕES DE TORCEDORES?

Sempre disse que é impossível um clube brasileiro ter 30 milhões de torcedores, como o departamento de marketing do Parque São Jorge insiste em tentar fazer convencer. Assim como nunca acreditei naquela estória (isso mesmo, estória com "e" e não história de verdade com "h") da chamada "invasão corintiana" de 1976 no Maracanã, na semifinal do Brasileirão entre Fluminense x Corinthians. Como pode a presença de cerca de 70 mil corintianos no Maracanã? Absurdo. Se dos 70 mil corintianos, 40 mil viajassem de ônibus, a Via Dutra teria um congestionamento de 800 ônibus somente da torcida corintiana... E como viajariam os 30 mil restantes? De avião, naquela época? Sem chance.
De qualquer maneira, segue o link abaixo do Blog do escritor Odir Cunha, com um texto inteligente a respeito dos supostos "30 milhões" de corintianos no Brasil. Balela...
Ainda mais hoje em dia com o crescimento cada vez maior da TV por assinatura, do Paper-View e da internet...


Blog do Odir Cunha   http://migre.me/5zwvs

RODADA DOS CLÁSSICOS

*  Fluminense x Botafogo. O time do "Harry Poter" Caio Junior venceu bem o eficiente time do Vasco na última rodada e deve dar trabalho para o instável time do instável técnico Abel Braga. Dá Botafogo.
*  Coritiba x Atlético-PR. Jogando diante de sua torcida, o Coritiba vence apertado, pois o Atlético-PR melhorou bastante depois da chegada do técnico Renato Gaúcho. Sabe-se lá porquê.
*  Palmeiras x Corinthians. O time do técnico Tite está decadente, afinal, não tinha como sustentar aquela sequência de vitórias do começo do campeonato, pelo elenco que possui. O Palmeiras de Felipão vem de mais uma eliminação e precisa de um bom resultado para não começar outra nova crise no clube. Por isso acredito numa vitória do Palmeiras, mas se o rival porventura vencer, o trabalho do xerifão Scolari será colocado fortemente em xeque. Clássico com forte cheiro de empate, mas acredito no triunfo do Palmeiras. Aliás, será que o Gladiador vai comemorar se caso fizer gol?
*  Santos x São Paulo. Dos últimos 7 jogos contra o São Paulo, foram 6 vitórias do Santos. Só neste ano foram 2 vitórias, a últimas delas por 2 x 0 dentro do Morumbi lotado, pelas semifinais do Paulistão. E por todo esse retrospecto recente, mais o fato de jogar na Vila Belmiro, pelas 2 últimas vitórias seguidas no Brasileirão... Dá Santos.
*  Flamengo x Vasco. Um clássico como nos velhos tempos do futebol carioca, ou seja, com os 2 times em boa fase. Ambos despacharam seus adversários na Copa Sulamericana no meio de semana, ambos estão no G4 do Brasileirão. Mas o Vasco tem um futebol coletivo mais eficiente e deve ganhar o jogo.
*  Grêmio x Internacional. Jogão como sempre, esse sim independente da situação de momento de cada time, embora o Grêmio esteja sem confiança pela série de maus resultados.  Mas acredito numa vitória do Inter, mesmo jogando na casa do rival, pois o time do técnico Dorival Jr tem um elenco de mais qualidade.
*  Atlético-MG x Cruzeiro. Ahh, essa é fácil. Dá Cruzeiro, claro. Se o Joel Santana não atrapalhar, lógico.

FRASE

" - Estou bem, esses fatos são normais. Sou de São Paulo, e é normal que eu tenha meu clube quando criança. Pode ter certeza de que no nosso time 90% não são palmeirenses, mas dentro de campo todo mundo honra a camisa."


(Kleber, atacante do Palmeiras, sobre o clássico contra o rival Corinthians, seu time na infância).

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

FRASE

" - Quantos gols o Ronaldinho fez no Brasileiro? Dez? Quantas assistências? Umas 15? A gente queria ter trazido o Ronaldinho Gaúcho... Será que teríamos dez gols e 15 assistências a mais?...Dentro do que a gente possui, a equipe tem jogado muito bem."


(Luiz Felipe Scolari, técnico do Palmeiras, sobre a atual situação de seu time, que foi eliminado pelo Vasco na 1ª etapa da Copa Sulamericana).

ELIMINADO... DE NOVO.

O São Paulo só precisou de 20 minutos para se classificar às oitavas-de-final da Copa Sulamericana. Jogando em seu estádio, mais uma vez quase vazio é verdade, o time se impôs diante do Ceará e venceu por 3 x 0, após perder o jogo de ida em Fortaleza por 2 x 1.
Diferentemente do Palmeiras, que novamente foi eliminado de um torneio, dessa vez para o Vasco. Na primeira partida, o time de Felipão perdeu para os reservas do Vasco por 2 x 0, no Rio de Janeiro. No jogo de volta, venceu por 3 x 1 no Pacaembu,  mas insuficiente para reverter o placar. A mesma coisa aconteceu no Paulistão e no Brasileirão em 2009; no Paulistão, Copa do Brasil, Copa Sulamericana e Brasileirão em 2010; e Paulistão, Copa do Brasil e Copa Sulamericana em 2011. Estariam os torcedores já acostumados e nem protestando mais pelos seguidos maus resultados? E a administração do clube? Está avalizando tudo o que está sendo feito há tanto tempo?
No jogo contra o Vasco, o Palmeiras até esboçou uma possível classificação no 2º gol de Kleber, mas logo depois o vascaíno Jumar (que há pouco tempo atrás teve uma passagem desastrosa pelo Palmeiras) conseguiu acertar um chute forte de longa distância que o goleirão Marcos aceitou, pois nem foi na direção da bola. Tenho certeza de que o Deola teria pelo menos pulado na bola, tentando fazer a defesa. Como diz Milton Neves, "nunca vi goleiro defender com os olhos", em alusão ao famoso e tradicional "golpe de vista". Aliás, o Marcos não tem tido sorte no gol do Palmeiras neste ano e ele próprio reconhece isso, como na goleada sofrida para o Coritiba por 6 x 0, que eliminou o Palmeiras da Copa do Brasil. Não questiono a qualidade do Marcos, mas ele não mais possui a mesma resistência e reflexo de anos atrás. Diz que vai se aposentar no fim do ano e, se caso realmente o fizer, estará fazendo o quê é mais correto para ele e para seu clube. O Deola é um bom goleiro e pode substituí-lo.
E agora vem a notícia de que o Palmeiras está contratando Fernando (do Guarani) e Ricardo Bueno (do Atlético-MG). Ora, é o melhor caminho buscar no mercado um jogador de 2ª divisão e outro cujo time está caminhando a passos largos para a 2ª divisão? Acredito que não. Mas os dirigentes palmeirenses acreditam que sim, fazer o quê. Felipão lamenta não ter no elenco Ronaldinho Gaúcho, mas porque será que o craque dentuço não optou pelo Palmeiras no começo da temporada? Aliás, deixou de lado Palmeiras e Grêmio. E veja também a situação do Grêmio na tabela do Brasileirão. Seria vidente o Ronaldinho?...Acho que não.
O Palmeiras mantém o Palmeiras B, que atua nas divisões inferiores do futebol paulista. Mas o quê esse time tem oferecido ao clube e seus torcedores? Quais são as revelações que o time B tem trazido para a equipe principal?
O Palmeiras foi eliminado de mais um torneio. De novo...

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

FRASE

" - Não sou mito como o Pelé, não sou gênio como o Mané Garrincha, não sou craque como o Maradona e não sou fenômeno como o Ronaldo...Sou apenas um jogador que quer entrar para a história do futebol mundial. Eu só sei fazer gols. Só isso."


(Túlio Maravilha, ex-jogador de Botafogo e Corinthians, durante sua apresentação oficial como novo jogador do Bonsucesso-RJ, sobre sua obsessão pelo milésimo gol na carreira; ele já marcou 967 gols, segundo as contas do próprio Túlio, que tem 42 anos de idade).

CHAPÉU DUPLO DE NEYMAR


Santos 2 x 1 Fluminense, Vila Belmiro, Brasileirão 2011. Neymar humilha Lanzini com "chapéu duplo". Quando está difícil dominar a bola, o menino-craque dá um jeito...hehehe.

terça-feira, 23 de agosto de 2011

FRASE

" - Nós sabemos o que o Kleber apresenta quando enfrenta o Corinthians. É o mesmo caso que o meu, quando jogo contra o Santos, independentemente do que se sente na infância...O mais importante é o atleta continuar concentrado em fazer um bom trabalho pelo Palmeiras."


(Marcos Assunção, volante do Palmeiras, sobre a ficha de inscrição do atacante palmeirense Kleber junto à torcida Gaviões da Fiel).

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

GLADIADOR É SÓCIO DA GAVIÕES DA FIEL?

Vazou na internet via twitter uma foto que seria supostamente da ficha de inscrição do atual jogador e ídolo palmeirense Kleber à maior torcida organizada do Corinthians, a Gaviões da Fiel. E justamente na semana que antecede o clássico entre os dois rivais pela última rodada do 1º turno do Brasileirão. Alguns sites esportivos comprovaram que a ficha de inscrição é autêntica e que ainda possui validade, já que o Gladiador nunca fez o cancelamento. Kleber tinha 18 anos na época e estava nas categorias de base do São Paulo. Depois, foi jogar na Ucrânia e só retornou ao Brasil em 2008, contratado pelo Palmeiras.
Na minha opinião, Kleber é acima de tudo profissional e se de fato houve a sua inscrição como membro da Gaviões da Fiel, isso aconteceu há 10 anos atrás, quando o atleta nem sonhava ter a identificação que possui hoje com o Palmeiras. Mas esse tipo de coisa não é digerido da mesma maneira pelos torcedores mais fanáticos e uma notícia dessa certamente causa polêmica e pode lhe causar mal-estar, especialmente com membros de torcidas organizadas palmeirenses, mesmo que equivocadamente. Ainda mais às vésperas de um clássico justamente contra o Corinthians.
Será que o Gladiador era mesmo da Fiel?...


fonte: site globoesporte.com  http://migre.me/5xYH0

FRASE

" - Ele está muito bem. Eu o acompanho, gosto de ver os jogos do Santos para vê-lo jogar porque é uma grande personalidade...Com a idade dele, fazer o que faz em campo com personalidade e malandragem... Pode ser exagero da minha parte. Mas ele é um mito."


(Carlos Alberto, meia do Bahia, sobre o atacante santista Neymar, após a derrota de seu time para o Santos por 2 x 1).

PALMEIRAS LANÇA OUTRO 3º UNIFORME

O Palmeiras lançou oficialmente seu mais novo 3º uniforme. Dessa vez, em tom de verde mais claro e com finas listras verticais brancas, o uniforme refere-se à década de 90, época em que o clube era patrocinado pela empresa italiana Parmalat. Não sou fã de camisas alternativas para usar em jogos oficiais, mas pelo menos essa mantém a tradicional cor verde, sem o amarelo "marca-texto" ou o azul de uniformes anteriores. Relembra um dos períodos mais vitoriosos da história do Palmeiras, senão o mais vitorioso, especialmente pela conquista do bicampeonato brasileiro de 1993/ 94. Bonita camisa com certeza. Mas a atual 1ª camisa do time, em tom de verde escuro e sem detalhes, é para mim a genuína camisa palmeirense de tanta gente boa de bola que já a vestiu.


fonte: site Yahoo! Esportes  http://migre.me/5xzL0

FRASE

" - A gente tem tomado medidas para corrigir esse problema, mas não adiantou. Agora estamos tomando essa medida para que o jogador reflita bem. Hoje chegou a um determinado nível que não dá mais para que ficar só com as medidas que a gente tomava. Me dói muito, porque eu tenho um carinho muito especial por ele. É um jogador que nós, desde o início, assumimos o risco e nós sabemos que era uma contratação de risco, como outras que nós fizemos."


(Renê Simões, técnico do Bahia, sobre os recorrentes problemas de indisciplina que causaram o desligamento definitivo do atacante Jobson do elenco de seu time).

DAMIÃO: GOLAÇO DA RODADA!



Golaço de bicicleta de Leandro Damião, no estádio Beira Rio. Internacional 2 x 2 Flamengo. O gol mais bonito da 18ª rodada do Brasileirão.

CURTAS E RASTEIRAS

*  Como eu já havia dito antes neste blog, o Corinthians vem mostrando que nada mais é do que um time médio para bom. Ou quem sabe, um bom time mediano. Vem desperdiçando pontos importantes dentro do Pacaembu, como no empate diante do Ceará e nas derrotas para Cruzeiro e Figueirense. De nada adiantou ter vencido de virada por 3 x 2 o Atlético-MG fora de casa, já que perdeu em casa para o tímido Figueirense por 2 x 0. Derrotas em casa significam pontos perdidos de fato, que não tem volta, não mais serão recuperados. E que fazem bastante falta.
*  O Atlético-MG e o América-MG parecem que pretendem fazer clássico regional na 2ª divisão em 2012. Clássico mesmo, pois ambos os times estão no mesmo nível faz muito tempo.
*  Sorte do Corinthians que o Flamengo também desperdiça suas chances. No Beira Rio, empatou com o Internacional por 2 x 2, com belo gol de falta de Ronaldinho Gaúcho, porém irregular. O jogador Williams empurrou visivelmente a barreira do Inter no momento da cobrança, facilitando a pontaria de Ronaldinho. Árbitro e assistente nada marcaram. Destaque para o lindo gol de bicicleta de Damião, que empatou o jogo para os gaúchos.
*  São Paulo e Palmeiras empataram em 1 x 1, num clássico mais frio do que a tarde no quase vazio estádio do Morumbi. Apenas 17 mil pessoas foram assistir ao clássico. Pode ser que muita gente não sabia se no estádio haveria um jogo ou um show, pois ultimamente o Morumbi é mais casa de shows do que palco de futebol. Sobre a partida, o São Paulo sentiu muito mais a ausência de Lucas do que o Palmeiras a ausência de Valdivia.
*  Ufaaaa... finalmente o Santos voltou a vencer e ainda fora de casa. Num lotado estádio de Pituaçu, o time de Muricy Ramalho superou a pressão dentro e fora de campo e venceu os baianos por 2 x 1. Só uma coisa não mudou no time santista: a inoperância de Paulo Henrique Ganso. Só o técnico Mano Menezes parece não ver isso. De qualquer maneira, o Santos começa a se reencontrar com seu futebol e deve espantar a momentânea fase negativa no Brasileirão.

domingo, 21 de agosto de 2011

É ASSIM QUE SE FAZ, MANO...

O Brasil é pentacampeão mundial de futebol sub-20. E com todos os méritos. Jogando como preza a escola de futebol brasileira, o time comandado pelo competente técnico Ney Franco esbanjou técnica, talento e vontade de vencer no torneio mundial disputado na Colômbia. A final foi contra a boa seleção de Portugal e os brasileiros venceram por 3 x 2, com 3 gols de Oscar, um deles na prorrogação, já que houve empate de 2 x 2 no tempo normal. E mesmo Oscar tendo feito os 3 gols da partida, a seleção de Ney Franco mostrou um ingrediente indispensável num time vencedor: a força do coletivo. Todos jogaram determinados, cada jogador compensando um erro do outro, sem vaidades, sem individualismos. O técnico Mano Menezes, que esteve no estádio de Bogotá para a final, deveria se espelhar mais em seu colega Ney Franco, que conquistou seu 2º título desde janeiro deste ano com a seleção sub-20. Isso mesmo, são 2 títulos em apenas 8 meses. E jogando com garotos, com jovens promessas. Mas jogando bonito, do jeito brasileiro de ser e viver o futebol. Parabéns ao Brasil campeão mundial sub-20. Essa seleção sim dá gosto de ver.


Nota:  Oscar tentou cruzar a bola no 3º gol do Brasil, que garantiu o título na prorrogação. Mas e daí? Os craques são assim, a bola ajuda, faz peripécias misteriosas procurando o gol. Foi assim com Ronaldinho Gaúcho na Copa da Ásia de 2002, no gol de falta diante da Inglaterra. Um bom presságio para o promissor Oscar. Se foi "sem querer" ou não é outra história, o que importa é que a bola entrou, foi um gol decisivo e merecido para Oscar e toda a seleção sub-20 que foi campeã com talento e competência.

sábado, 20 de agosto de 2011

FRASE

" - O que acontece aqui é bem diferente do que eu vi em outros lugares. O Santos, com as conquistas, se valorizou demais. Os jogadores são assediados a todo o momento. Há equipes que conquistam títulos, vivem bons momentos, mas não se valorizam tanto. Aqui é impressionante. Nunca vi isso."


(Muricy Ramalho, técnico do Santos, sobre o forte assédio aos jogadores de seu time).

NEYMAR x MESSI JAPÃO 2011 - TRAILER


De arrepiar... Futebol-arte! #EuSouMaisNeymar

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

BONDE SEM FREIO?

Será que o tal bonde sem freio vai começar a descer ladeira abaixo?
O Flamengo passou quase todo o 1º turno invicto e acabou caindo "de quatro" para o modesto time do Atlético-GO. E perdeu de goleada em pleno Rio de Janeiro por 4 x 1. E quer saber? Isso é normal, com exceção do placar da partida, é claro. O quê é anormal é um time não perder em 16 rodadas e engatar uma sequência de vitórias como o time do técnico Vanderlei Luxemburgo conseguiu fazer. Vencer, empatar algumas, perder outras, mesmo que dentro de casa, é algo normal. O que não pode é perder o rumo e não conseguir manter o ritmo de jogo na reta final do torneio, como aconteceu com o Palmeiras em 2009 e o Corinthians em 2010. Luxemburgo deve agora tomar bastante cuidado para que a equipe saiba administrar a pressão e ter equilíbrio na sequência de jogos, de modo a permanecer no G4 e próximo do líder. E dessa forma tentar se tornar líder. Se perder de novo para o Internacional, no Beira Rio, o bonde sem freio pode descer ladeira abaixo a 100 Km/h. E adeus campeonato, Libertadores, etc...

RONALDINHO SIM, GANSO NÃO

Seleção brasileira nada mais é do que momento? Então aprovo e concordo com a convocação de Ronaldinho Gaúcho à seleção, mas não concordo com a convocação de Paulo Henrique Ganso. E pelo mesmo motivo. Ronaldinho está num ótimo momento, voltou a jogar bem e está sendo decisivo para o Flamengo se manter no topo da tabela do Brasileirão. Mas e o momento de Ganso? É bom? Não. Ganso deixou a desejar pela seleção brasileira na Copa América e também não está jogando nada no Santos. Lento, pouco inspirado, não marca, não arma jogadas, não faz nada de produtivo em campo. Longe de ser aquele camisa 10 que conquistou o Paulistão e a Copa do Brasil em 2010 pelo Santos. Se o técnico Mano Menezes não o convocasse dessa vez para o amistoso contra a seleção de Gana, provavelmente o faria repensar sobre o que está acontecendo de errado com seu futebol e lhe mostraria que precisa voltar a jogar bem para ter vaga assegurada na seleção brasileira. E tudo isso seria altamente benéfico para o Santos, pois o jogador teria que "mostrar mais serviço" na Vila Belmiro para ser lembrado novamente pela comissão técnica da CBF.
Pouco importa se Ronaldinho terá espaço e principalmente fôlego para a Copa de 2014. O que importa é que seu momento está muito bom em seu clube e por isso Mano Menezes está correto em chamá-lo. Mas Ganso precisa mais do que nunca provar que voltou a merecer uma vaga na seleção, depois das sérias contusões que sofreu recentemente e que teriam atrapalhado seu rendimento.

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

FRASE

" - Eu fico me perguntando se a gente voltou àquele velho tempo em que o técnico acumulava um clube e a seleção, porque essa convocação parece a do técnico do Corinthians, não da seleção brasileira. Um absurdo, um absurdo completo, um despropósito a convocação do Ronaldinho Gaúcho nesse jogo sem a menor importância."


(Renato Maurício Prado, comentarista esportivo do canal Sportv e flamenguista, criticando a convocação de Ronaldinho Gaúcho à seleção brasileira, durante o programa "Redação Sportv").

CURTAS E RASTEIRAS

*  Mas como é ruim esse time do Atlético-MG!... Meu Deus, que faaaaaaseee... Jogou em casa contra o Corinthians, e mesmo fechando o 1º tempo vencendo por 2 x 0 (sabe-se lá como), permitiu a virada no 2º tempo para 3 x 2. E jogando um futebol feio, sem reação, sem vontade, conformado com a derrota diante de seus torcedores. Mas também, né..se o Dorival Junior, que é um ótimo treinador, não deu jeito nesse time, imagina o modesto Cuca... O Atlético-MG está caminhando determinado rumo ao retorno à 2ª divisão.
*  Aprovo a convocação de Ronaldinho Gaúcho à seleção brasileira. Seleção nada mais é do que momento e este é o momento do craque dentuço, que está jogando muito bem e sendo decisivo para o Flamengo se manter no topo da tabela do Brasileirão. O técnico Mano Menezes está tentando assim salvar a seleção de um novo fiasco contra Gana. E também se salvar no comando.

SERÁ QUE CHÁ DE BOLDO RESOLVE?

Sempre fui muito fã de Raul Seixas. Desde meus 13, 14 anos que gosto do som do roqueiro baiano. E Raulzito dizia o seguinte: "Existem as coisas do céu, as coisas da terra e as coisas da coisa...e são essas, as coisas da coisa, que são inexplicáveis...". Acredito que esse pensamento traduz exatamente o atual momento do Santos no Brasileirão. Preciso acreditar que, no caso do Santos, as coisas não são, mas estão inexplicáveis. Ou seja, a coisa não é feia, mas está feia hoje no torneio nacional. O próprio técnico Muricy Ramalho já não sabe mais o quê dizer quando questionado sobre o momento inexplicável pelo qual atravessa sua equipe. De janeiro de 2010 a junho de 2011, o Santos conquistou nada menos do que 4 títulos. Foram 2 Paulistas, 1 Copa do Brasil e 1 Copa Libertadores da América. E o que é melhor: com talento e qualidade. Mas o brilho de repente desapareceu e o time encontra-se na 17ª posição na tabela, na zona de descenso, após perder por 3 x 2 de virada para o Coritiba, em plena Vila Belmiro. Algo inimaginável há menos de 2 meses atrás. O fato é que o Santos não consegue vencer, são apenas 15 pontos em 15 jogos. Muito pouco para uma equipe com jogadores talentosos e o melhor treinador do Brasil. Seria mesmo a tal "ressaca" pós-título da Libertadores? Mas que ressaca é essa que parece não ter cura? Será que um caldeirão de Engov para todo o elenco ajuda? Ou quem sabe um bom chá de boldo pra todo mundo? Muricy Ramalho precisa arrumar logo uma solução para o apagão santista e fazer o time voltar a vencer, adquirir confiança e sair da incômoda zona de degola. E principalmente conseguir ritmo e padrão de jogo como antes, para chegar confiante e competitivo em dezembro, no Japão. Que é o que realmente interessa para os santistas...

terça-feira, 16 de agosto de 2011

SÃO PAULO E FLAMENGO SÃO "ESQUECIDOS" PELA TV GLOBO

A TV Globo divulgou seu cronograma de transmissões para televisão aberta das rodadas 20 a 28 do Brasileirão, que já correspondem ao 2º turno da competição. Para surpresa geral, São Paulo e Flamengo foram "desprestigiados" pela emissora. Dos 9 jogos que serão realizados no período, apenas 3 partidas do São Paulo serão transmitidas ao vivo pela TV aberta. Mais surpresos ainda devem ficar os flamenguistas, pois o time de maior torcida do Brasil é o atual vice-líder do torneio e o único invicto, além de contar com a boa fase do craque Ronaldinho Gaúcho. Pois é, mesmo assim o Flamengo terá somente 4 partidas transmitidas pela TV aberta. No caso do São Paulo, a provável "explicação" seria o mal-estar entre clube e emissora gerado pela demora na assinatura do contrato dos direitos de transmissão junto à TV Globo, para os próximos anos. Já no caso do Flamengo, não há justificativa aparente para a "geladeira" na TV aberta.
Os clubes que terão mais jogos exibidos pela TV Globo são Corinthians (7), Palmeiras (6) e Santos (5).
No Rio de Janeiro, o líder de exibições é o Vasco, provavelmente pela recente conquista da Copa do Brasil deste ano, que gera maior interesse dos torcedores. Em Minas Gerais, o Cruzeiro terá 3 partidas transmitidas contra apenas uma do rival Atlético-MG. A diferença mais gritante encontra-se no Rio Grande do Sul: o Internacional terá 5 partidas exibidas pela TV Globo, contra nenhuma transmissão do rival Grêmio.


fonte:  site UOL Esporte  http://migre.me/5vqbl

FRASE

" - Torcida Santista, estamos em um momento de recuperaçao e contamos com todos voces pra nos apoiar amanha, VOCES TORCEDORES SAO FUNDAMENTAIS."


(Neymar, atacante do Santos, via twitter convocando a torcida para apoiar o time na partida contra o Coritiba, na Vila Belmiro).

VAI ENCARAR, RIVER?

A primeira vez que vi essa foto, imaginei que fosse de algum campo de futebol de várzea ou, no máximo, da 4ª divisão do futebol paulista. Até o "estádio" do Clube Atlético Tremembé, que fica aqui perto de casa, parece estar mais bem cuidado. Mas é nesse local que um dos maiores clubes da América do Sul vai jogar pela sua escalada de retorno à elite do futebol argentino. Hoje, terça-feira 16/08, o poderoso River Plate joga diante do modesto time do Chacarita Juniors, pela 2ª divisão do Campeonato Argentino. E brevemente estará jogando também na precária Arena de Merlo, como é conhecido o estádio da foto. Além de despojado e com o muro quase desabando, com arquibancada bastante acanhada e de madeira, o campo tem capacidade para apenas 5 mil corajosos espectadores e não possui iluminação de refletores. Ou seja, o jogo do Deportivo Merlo contra o River Plate deverá ser obrigatoriamente marcado para durante o dia. Bem típico dos clubes das séries B1 e A3 do Campeonato Paulista. Outro detalhe: não é permitida a entrada de torcedores visitantes, provavelmente por medida de segurança. Será que tem água quente nos vestiários?...
É, todo o glamour da elite vai ser deixado de lado pelo River para encarar essa dura realidade que chegou. Que sirva de lição aos "Millionários", como é chamado o famoso clube argentino. Parece até ironia...


fonte:  site lancenet.com.br  http://migre.me/5voNV

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

domingo, 14 de agosto de 2011

ALEX: GOL + BONITO DA 16ª RODADA


Golaço do meia Alex, o segundo gol do Corinthians no empate de 2 x 2 contra o Ceará, no estádio do Pacaembu. O gol mais bonito da 16ª rodada.

FRASE

" - Se não muda de um jeito, muda por outro. Tem duas situações que se muda: o técnico muda jogadores e a direção muda o técnico.  São duas coisas que se mudam no futebol, por bem ou por mal."


(Luiz Felipe Scolari, técnico do Palmeiras, após a 2ª derrota seguida para o Vasco, pela Copa Sulamericana e Brasileirão).

FRASE

" - Temos de jogar muito mais do que isso que estamos fazendo agora. Caso contrário, vamos chegar ao Mundial sem confiança. Aquele foco da Libertadores precisa voltar."


(Muricy Ramalho, técnico do Santos, sobre a atual fase negativa de seu time no Brasileirão).

CURTAS E RASTEIRAS

*  Em 2 jogos seguidos, o Vasco fez 3 gols no Palmeiras e não levou nenhum. 2 x 0 pela Copa Sulamericana e 1 x 0 pelo Brasileirão. Seria ótimo para os palmeirenses se fosse o contrário, ou seja, 1 x 0 pela Copa Sulamericana, pois daí o time de Felipão teria muito mais chances de reverter o placar no 2º jogo em São Paulo. Mas e o Deola, hein? Apesar da derrota, fez boas defesas e parece estar em melhor forma física e técnica do que o ídolo Marcos. E o belíssimo gol de falta do vascaíno Bernardo, no fim do jogo, valeu o ingresso.
*  Os dois maiores vacilões da rodada com certeza foram Flamengo e Corinthians. O Corinthians por estar duas vezes na frente do placar e permitir o empate de 2 x 2. O Flamengo por estar vencendo por 2 x 0 e também permitir o empate de 2 x 2. E por esse motivo, mais o fato que se ganhasse a partida assumiria a liderança do torneio, o "Troféu Vacilão" vai para o time carioca.
*  Graças ao time ruim do Atlético-MG, que perdeu de novo e dessa vez por 3 x 0 para o Coritiba, o Santos não vai voltar para a zona de rebaixamento nessa rodada.

GOLAÇO DE BICICLETA DO NETO



Final do Paulistão de 1988, Corinthians x Guarani, estádio do Morumbi. Golaço do Neto de bicicleta! Na comemoração, o jogador sai gritando "Eu sou Fo#@ !! " Não gosto do estilo de comentar jogos do Neto, mas confesso que ele foi um jogador acima da média. E esse gol foi um dos mais bonitos que eu já vi.

VOCÊ SABIA QUE...

...No Brasileirão de 1977, Serginho Chulapa era o vice-artilheiro do torneio, com 15 gols (5 a menos que Reinaldo, do Atlético-MG), mas uma confusão em uma partida contra o Botafogo-SP fez com que o atacante pegasse um duro gancho e deixasse de ser o artilheiro do torneio? Isso mesmo. O São Paulo perdia por 1 a 0, quando Serginho reclamou da anulação de um gol seu, aos 45 minutos do 2º tempo. Segundo o assistente Vandevaldo Rangel, ele estaria impedido na jogada. Revoltado, o atacante partiu para cima do auxiliar e, segundo a súmula da época “desferiu-lhe um pontapé na perna esquerda, altura da canela, ocasionando um ferimento de aproximadamente uns 10 centímetros, que sangrava abundantemente”. Chulapa negou a agressão, mas foi condenado a 14 meses de suspensão, cumprindo apenas 11 meses de punição posteriormente.


fonte: site globoesporte.com  http://migre.me/5uqK5

CURTAS E RASTEIRAS

*  O Santos perdeu outra, dessa vez para o fraco time do Atlético-GO, em Goiânia, por 2 x 0. E deve voltar para a zona de rebaixamento após o fim da 16ª rodada.
*  Esse Henrique que está jogando no Santos é aquele mesmo Henrique que estava no Cruzeiro? Não parece... O cara erra passes, marca mal, se movimenta pouco...
*  Mas se o juiz tivesse marcado aquele pênalti sobre o Neymar ainda no 1º tempo fatalmente o Santos venceria a partida. O pênalti foi claro. Por coincidência, o árbitro Sandro Meira Ricci (que apitou o jogo) está processando o Neymar na justiça.
*  Ganso está bem aquém do que era na primeira metade do ano passado. Fato! Seriam as recentes contusões o motivo para tanta queda de rendimento do meia?
*  Neymar está jogando até que bem, se esforçando, correndo bastante, mas curiosamente o Santos perdeu todos os jogos em que ele participou neste Brasileirão.
*  A bola do Santos não entra de jeito nenhum. Em Goiás foram 2 bolas na trave, uma bola que o zagueiro atleticano tirou em cima da linha do gol e um pênalti não marcado.
*  O que falta ao time do Muricy é voltar a jogar bola! O time está visivelmente desmotivado. Começa jogando bem, mas é só levar o primeiro gol que desaba em campo. Muricy Ramalho precisa urgentemente realizar um trabalho consistente de motivação do elenco antes que chegue o Mundial de Clubes, em dezembro.
*  O Rivaldo salvou o São Paulo no último minuto de jogo de sofrer outra derrota frustrante dentro do Morumbi: 2 x 2 diante do Atlético-PR. Para mim, o São Paulo continua sendo o time mais irregular do torneio. E com o técnico Adilson Batista fica ainda mais difícil querer se tornar líder um dia...

sábado, 13 de agosto de 2011

ENQUANTO ISSO, NO INTERIOR DE SP...


video

Discussão acalorada entre três amigos com sotaque típico do interior..rsrs. Aos meus amigos Wanderley e Marcio, mais conhecidos no trabalho por Coxinha e Maluz. Toda essa discussão "quente" começou após ouvirem no meu celular a narração de um dos gols do Santos na final da Libertadores de 2011. O Coxinha é corintiano e dizem que o Maluz é palmeirense..rsrs

JOGADA ENSAIADA...


Isso é que é "jogada ensaiada", hein...

FRASE

" - Entrar na Libertadores pra perder? Precisa entrar pra ganhar... De que adianta entrar com o time que a gente tem? Sabe que não vai ganhar."


(Marcos, goleiro e ídolo do Palmeiras, sobre o desempenho de seu time na derrota para o Vasco pela Copa Sulamericana, torneio que dá ao campeão vaga na Copa Libertadores do ano que vem).

FÁBRICA DE PROBLEMAS - II

Logo depois que o Palmeiras venceu o último clássico contra o Santos por 3 x 0, pelo Brasileirão, o goleiro Marcos declarou que seu clube "era uma fábrica de problemas", mesmo após um ótimo resultado (ver post "Fábrica de Problemas" publicado no mês passado). O ídolo palmeirense referia-se na ocasião à polêmica em torno de Kleber e a diretoria do clube, sobre a conturbada renovação de contrato do atacante, que ganhou repercussão negativa na imprensa. Depois de tudo resolvido e de Kleber retornar à equipe, agora foi a vez do próprio goleiro fazer parte dessa "fábrica de problemas". Marcos fez duras críticas e reclamações ao desempenho do time na 1ª partida diante do Vasco, pela Copa Sulamericana, quando os cariocas venceram por 2 x 0 jogando com um time misto. O camisa 12 disse, entre outras coisas, que o time precisa urgente de reforços e que "não seria nem bom para o clube conseguir conquistar uma vaga na Libertadores se for para o time fazer vexame." O que deve preocupar o ídolo são as recentes frustrações de seu time, como a desclassificação da Copa do Brasil de 2010 e 2011 para Atlético-GO e Coritiba respectivamente, e também a eliminação na mesma Copa Sulamericana do ano passado para o então já rebaixado Goiás, que venceu o Palmeiras de virada no Pacaembu lotado por 2 x 1, pela semifinal do torneio.
Com certeza essas derrotas (ou vexames) mexem bastante com o brio e o orgulho de um atleta que vive seu clube com intensidade, como é o caso de Marcos. Chega um momento em que o goleiro não quer mais sofrer com mais uma eliminação.
Marcos ama o Palmeiras e certamente gostaria de não fazer de uma "fábrica de problemas" que insiste em continuar funcionando a todo vapor.


Obs.: Agora, fala sério em Felipão. Jogar no Rio de Janeiro contra o Vasco e fazer um "bate-volta" de ônibus é brincadeira, hein... O elenco voltou de ônibus para São Paulo logo após o fim da partida em São Januário... Então por que a delegação não permeneceu no Rio, já que 3 dias depois vai jogar de novo contra o mesmo Vasco no mesmo estádio, pelo Brasileirão?
Depois reclama do rendimento do time? Isso é coisa para time pequeno, hein...

FRASE

" - A CBF dispensou Itália e Espanha e arrumou uns Gabões da vida para salvar o Mano. Ora, não seria mais fácil a CBF nos salvar do Mano?"


(Milton Neves, jornalista esportivo e apresentador de rádio e TV, via twitter sobre a mudança de adversários nos próximos amistosos da seleção brasileira).

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

CAPOTE DO FENÔMENO!



Jogo do Campeonato Brasileiro de 2009, no Pacaembu. Segundo o narrador Milton Leite, do Sportv, "quem diria que um dia a gente fosse ver isso do Ronaldo". É, até mesmo jogadores "fenomenais" cometem lances bisonhos! Que beleeeeezaa...

MANO NA CORDA BAMBA

Depois de um longo ano como técnico da seleção brasileira, Mano Menezes está quase de saída. Era para ser o enviado do Senhor para a tão necessária renovação da única seleção quase hexa do futebol mundial, já que a próxima Copa será neste país. Mas uma sucessão de resultados negativos, com apresentações ruins, e que culminaram com uma pífia participação na Copa América em terras portenhas, parece começar a desenrolar o tapete cinza de saída para o ex-técnico do Corinthians. E olha que Mano foi entronizado como suplente, já que o escolhido na época foi Muricy Ramalho, que rejeitou o posto mais cobiçado pelos treinadores brasileiros. Para mim também tinha sido uma boa opção, mas Mano vem mostrando o contrário. Parece não ter pulso suficiente para administrar uma constelação de craques fervorosos por badalação e marketing. Ou como diz o comentarista e ex-jogador Edmundo, "tem os ovos mas não consegue fazer uma omelete". Talvez seja isso. Mas  a derrota por 3 x 2 para a Alemanha, colocou Mano Menezes numa saia justa em cima da corda bamba, que tarda mas não falha para treinadores que não obtém resultados concretos. Sua seleção foi até aprovada depois do fracasso de Dunga na última Copa do Mundo, mas seu time não possui padrão de jogo, não possui tática, não possui combate, não possui quase nada. E parece não ser aceitável um time repleto de craques jogar tão mal assim. E perder tanto assim. Um próximo resultado negativo e provavelmente a casa deve cair para o Mano.

DEDO DO LUXEMBURGO

O Flamengo está mostrando atualmente o melhor futebol do Campeonato Brasileiro, com ótimas atuações de Ronaldinho Gaúcho e Thiago Neves. O craque dentuço tem feito apresentações convincentes e decidido jogos para o time rubro-negro. Mas quem está sendo decisivo de fato para essa próspera fase do Flamengo é o técnico Vanderlei Luxemburgo. Depois de anos amargando resultados negativos nos clubes em que passou, o treinador foi campeão carioca neste ano com o Flamengo e parece estar no caminho certo do Brasileirão. Luxemburgo também está lutando para que o time de maior torcida do Brasil tenha um CT de verdade, digno às tradições do clube. E foi Luxemburgo que fez a estrela de Ronaldinho voltar a brilhar. Foi o treinador que, de propósito, substituiu o craque durante uma partida e fez com que a enorme maioria dos torcedores vaiasse Ronaldinho. O jogador saiu de campo desorientado, sob vaias e xingamentos, numa fase realmente ruim do atacante. Ele estava sendo acusado por torcedores de frequentar demais a boêmia noite carioca e de estar relaxado nos jogos, sem brilho e sem vontade. Pois foi a partir daí que o camisa 10 se reencontrou com seu futebol, voltando a jogar bem e a desequilibrar os confrontos para o Flamengo, caindo novamente nos braços da torcida. Aquela substituição mexeu com seu brio, com seu orgulho que ficou ferido, com seu ego, afinal, um ex-melhor jogador do mundo jamais pode ser vaiado por seus súditos. Mas a estratégia de Luxemburgo deu certo, devolveu ao craque o seu futebol. Está certo que o Santos também contribuiu bastante para essa recuperação de Ronaldinho, pois depois do histórico jogo realizado na Vila Belmiro, quando o Flamengo venceu de virada por 5 x 4, Ronaldinho tornou-se o centro das atenções do Brasileirão. Além de exibições primorosas, é o artilheiro do torneio. Mas o culpado de toda essa grande fase do Flamengo é Vanderlei Luxemburgo. Ninguém obtém bons resultados por acaso. Luxemburgo ainda é para mim um dos maiores técnicos de futebol do mundo.

RESSACA BRABA!..

O time considerado principal do Santos, praticamente o mesmo que conquistou o Paulistão e a Copa Libertadores da América no 1º semestre, fez 5 partidas pelo Campeonato Brasileiro depois da festa do título sulamericano. Foram 3 derrotas (seguidas), uma vitória e um empate. Ou seja, de 15 pontos disputados, o Santos conquistou 4, com menos de 30% de aproveitamento. Muito pouco. E o que é pior: tirando as partidas diante de Flamengo e Atlético-PR, quando o time jogou muito bem, apesar das derrotas, nos demais jogos a exibição do atual campeão sulamericano foi bem abaixo do esperada. Contra o Vasco, no Rio de Janeiro, o time sofreu o apagão primeiro do que o estádio. Com menos de 15 minutos de partida, o Vasco já vencia fácil por 2 x 0. Depois, enfim uma vitória sobre o Ceará, no Pacaembu. Mas de 1 x 0, magro, chato, burocrático, feio... E ainda bem que tinha o Borges, pois se fosse o Zé Eduardo, aquele "gol feito" poderia nem sair. E no clássico contra o Corinthians, na Vila Belmiro, outra apresentação ruim, sem inspiração, monótona, truncada. Bom para o Corinthians, que recuperava a liderança do torneio, mas péssima para o Santos, que se mantinha perto da zona de rebaixamento. Aliás, empatar contra qualquer adversário na Vila deve ser considerado como resultado negativo para o Santos. Dentro da Vila Belmiro, o Santos tem que ser favorito em qualquer jogo, até beneficente. O quê pode estar acontecendo com o time do técnico Muricy Ramalho? Fala-se na tão famosa "ressaca" pós-título da Libertadores, que geralmente atormenta os campeões do torneio por um período. Mas essa ressaca já está demorando para passar, hein... E além do mais, c%# de bêbado não tem dono!...

terça-feira, 2 de agosto de 2011

CADÊ O "FABULOSO" DO MORUMBI?

O São Paulo contratou Luis Fabiano junto ao Sevilha-ESP por R$ 17 milhões. E com toda pompa e circunstância, no fim de março fez uma apresentação de gala do jogador para 45 mil são-paulinos, no estádio do Morumbi. Uma grande festa. E o maior público do São Paulo em seu estádio no ano de 2011. Exatamente. A apresentação oficial do "Fabuloso" contou com mil pessoas a mais do que os 44 mil espectadores que foram ver São Paulo 0 x 2 Santos pela semifinal do Campeonato Paulista, um mês depois no mesmo Morumbi. Tudo muito bonito, com forte impacto na mídia, muitas luzes, etc, etc... Mas e aí? Luis Fabiano foi apresentado em 29 de março e estamos em agosto.. Quando ele vai de fato estrear pelo time no Brasileirão? Já se passaram mais de 4 meses e até agora nada de jogar. O jogador já passou por cirurgia e até plástica para cicatrização, e a previsão mais otimista do departamento médico do São Paulo é a provável estréia no fim de setembro. Já li em alguns sites que o clube já acumula um prejuízo de R$ 5 milhões pela ausência do jogador nos gramados. Todo o projeto de receita com publicidade no estádio, patrocínios, exposição da imagem, etc, se torna inviável com o atleta parado no departamento médico e sem previsão de retorno. Esse foi um bom investimento? O departamento médico e a comissão técnica do São Paulo desconheciam a lesão do jogador? Ou sabiam do nível da gravidade da contusão? O Sevilha não parece ter "facilitado" a liberação de Luis Fabiano? Onde está o planejamento de um dos "clubes-modelo" do Brasil?
É, parece que o São Paulo se adentra cada vez mais no mundo real...

FRASE

" - A principal questão é que o Real queria o Neymar agora e o jogador não quis ir. Por isso, não houve negócio. O Santos recusou a oferta porque foi o garoto quem não quis pegar o dinheiro e pagar a multa. Ele quer disputar o Mundial pelo Santos."


(Wagner Ribeiro, empresário de Neymar, sobre o motivo pelo qual não houve negócio entre Real Madrid e Santos pelo atacante).

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

NEYMAR DIZ "NÃO" AO REAL MADRID

Assim como aconteceu há cerca de um ano atrás, mais uma vez o craque Neymar surpreendeu bastante gente e disse "Não" a outra oferta milionária para deixar a Vila Belmiro. O Chelsea-ING já havia tentado levar o atleta em 2010 e agora foi a vez do todo-poderoso Real Madrid-ESP receber uma resposta negativa do atacante santista e da seleção brasileira.
O Santos enviou nesta segunda-feira 01/08 um documento oficial ao clube espanhol rejeitando a proposta feita de 45 milhões de euros (quase R$ 100 milhões), exatamente o valor da multa rescisória estipulada em contrato. O prazo máximo dado pelos espanhóis para o fim da negociação era 01/08, devido à janela de transferências para o exterior. Mas o presidente do Santos, Luis Álvaro Ribeiro, foi de novo categórico ao recusar mais uma proposta pelo craque:
" - Nós não temos, absolutamente, nenhum interesse em nos desfazer do Neymar. Estamos mostrando que o Santos não é um mero formador de matéria-prima para o futebol europeu. O Neymar está feliz aqui, tem o sonho de ser campeão do mundo", declarou o dirigente santista.
De qualquer maneira, como o Real Madrid estaria pagando o valor da multa, o Santos nada poderia fazer se fosse o desejo de Neymar se transferir para o clube europeu. Só dependia dele. Se Neymar aceitasse a oferta, os espanhóis depositariam os R$ 100 milhões em sua conta e o jogador acertaria sua saída junto ao Santos, que não poderia fazer nada, pois juridicamente a negociação estaria selada.
Mas Neymar também disse "Não" à proposta do Real Madrid, um dos clubes mais respeitados do planeta, e mostrou mais uma vez que só deixa a Vila Belmiro em comum acordo com o Santos FC.

FRASE

" - Se fosse um Flamengo e Santos no Engenhão, teríamos um jogo de chutão. Jogar na Vila Belmiro é outra coisa, um gramado que parece uma grama sintética. Por isso que foi um jogo de qualidade."

(Thiago Neves, atacante do Flamengo, sobre o péssimo estado do gramado do Engenhão no jogo de seu time diante do Grêmio).

PASTOS DA 1ª DIVISÃO

Já disse num post abaixo que um dos maiores causadores de tantas contusões de jogadores são os gramados horríveis da grande maioria dos estádios deste Brasileirão. Os gramados, em sua maioria, que deveriam ser básicos e no mínimo satisfatórios, não possuem a menor condição de abrigar jogos de futebol profissional e da 1ª divisão de um país que pretende sediar uma Copa do Mundo.
Até o recém-construído "estádio olímpico" do Engenhão, no Rio de Janeiro, foi bastante criticado pelos próprios jogadores do Flamengo no jogo contra o Grêmio (ver o péssimo estado do gramado na foto). Na Arena da Baixada, outro estádio que vai ser sede da Copa, Atlético-PR x Santos jogaram no meio da lama. Praticar futebol no Barradão, em Salvador, é outro desafio para qualquer jogador. O gramado onde jogaram Fluminense x Palmeiras também é péssimo. Se eu fosse treinador, tirava meu time de campo em forma de protesto contra gramados tão ruins e descuidados, verdadeiros pastos em locais onde o torcedor paga caro por um ingresso. "Uma grande vergonha", como disse o flamenguista Thiago Neves.

FRASE

" - As contratações foram equivocadas. O Grêmio não tem zaga, não tem meio e não tem ataque. Está na hora de mudar. O Renato era o menos culpado de tudo...Hoje eu vi o jogador Marquinhos caminhando em campo. E assim tem outros atletas. Esse jogador, o Lins, não tem nenhuma condição de jogar no Grêmio, com todo o respeito."


(Paulo Pelaipe, novo diretor-executivo do Grêmio, sobre a atual situação do time no Brasileirão).

CURTAS E RASTEIRAS

*  No reencontro de Ronaldinho Gaúcho com o time que o revelou, o Flamengo venceu mais uma: 2 x 0 no Grêmio, no Rio de Janeiro. O jogo foi marcado por uma verdadeira lambança do goleiro gaúcho Victor. Tentou sair jogando com um drible justamente em cima de quem? Sim, de Ronaldinho. Perdeu a bola de forma bisonha e viu o craque fazer o 2º gol dos cariocas na partida, que selou a vitória do Flamengo. Aliás, por quê vários goleiros têm essa mania de achar que são craques? 95% deles sequer conseguem controlar a bola com os pés por mais de 5 segundos... Bem, o fato é que o Flamengo está cada vez mais na cola do líder.


*  Jogando em casa, o Cruzeiro teria que se reabilitar contra o instável Botafogo. Mas perdeu por 1 x 0, para desespero de seus torcedores. Está ficando cada vez mais notório que Joel Santana não pode ser técnico de um clube como o Cruzeiro. Aliás, imagine a vontade de Joel em voltar na hora para o Rio de Janeiro com a delegação do Botafogo?


*  E o Palmeiras vai de vento em popa jogando no estádio da Portuguesa. Venceu de novo no Canindé, dessa vez o Atlético-MG por 3 x 2, num jogo equilibrado. Os tão criticados Luan e Patrick fizeram gols, além de um gol de falta "meio que de cruzamento" de Marcos Assunção. Mas assim também vale. De engraçado foi o técnico Felipão reclamar da "turma do limão" depois do jogo, em alusão aos torcedores que ficam no alambrado xingando jogadores e o treinador. Engraçado porque mais "azedo" que o próprio Felipão é impossível. Ainda bem que o Palmeiras ganhou, porque senão era capaz de Felipão pular o alambrado para tirar satisfações.


*  E o Adilson Batista, hein? Assim como Joel Santana no Cruzeiro, cada vez mais está provando que não tem condição de ser técnico do São Paulo, ou melhor, de nenhum clube paulista. Em pleno Morumbi, o Vasco venceu por 2 x 0, com um lindo gol do meia Felipe. O São Paulo é o time mais irregular do torneio.


*  O Corinthians está querendo seguir o caminho do São Paulo. Já perdeu a 2ª partida seguida, dessa vez para o fraco time do Avaí por 3 x 2, na Ressacada (SC). E de virada. O técnico Gallo conseguiu uma proeza: mudou completamente a equipe após o intervalo. Usando talvez uma fórmula mágica, no 2º tempo o Avaí voltou mais obstinado, errou menos passes e marcou bem melhor. Simplesmente virou o jogo para 3 x 1, levando mais um gol quase nos acréscimos. Destaque para o belo gol de Rafael Coelho, o terceiro dos catarinenses. Contudo, ambos os times têm que abrir os olhos. O Corinthians por ver os adversários se aproximando rapidamente na classificação. E o Avaí para não se iludir com o resultado sobre o líder do torneio, pois o time é ruim e é candidato ao rebaixamento.


*  Novamente o Santos fez uma ótima partida, assim como o jogo épico diante do Flamengo. Mas novamente perdeu, o que não adianta absolutamente nada. No enlameado gramado do estádio da Arena da Baixada, que parece não possuir sistema de drenagem, os paranaenses fizeram 2 x 0 antes dos 10 minutos do 1º tempo. Com muito mais vontade do que técnica, o Santos conseguiu o empate por 2 x 2 e até merecia a virada pelo que jogou num gramado péssimo como aquele. Mas foi castigado por um gol do veterano Marcinho aos 46 minutos do 2º tempo. Atlético-PR 3 x 2 Santos. O time do técnico Muricy Ramalho segue sem vencer, com 2 derrotas seguidas. Mas uma coisa tem que ser dita: como pode um estádio que vai sediar jogos da próxima Copa do Mundo possuir um gramado tão ruim como aquele? De qualquer modo, o Santos também é outro time que precisa abrir o olho e entrar em estado de alerta.